Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

⊙ A Morada dos Dias

{ Horizontes. Olhares. Rumos Cruzados. Palpitações. Compassos dos Dias. }

⊙ A Morada dos Dias

{ Horizontes. Olhares. Rumos Cruzados. Palpitações. Compassos dos Dias. }

24
Jun13

Ser Pessoa #2

 

A Tarde Vulgar e Cheia

 

A tarde vulgar e cheia 
De gente que anda na rua, 
Escurece, azul e alheia, 
E a brisa nova flutua.

Havia verão com o dia, 
Mas agora, Deus louvado, 
Primaverou de outonia 
Sob o largo céu parado.
 
Palavras! Nenhuma cor, 
Que o céu finge, ou bisa aqui, 
Torna real esta dor 
Que tive porque a senti.

"E naquela casa, que ninguém conhecia a idade, era como se os dias não fossem dias".

Email | Blog Académico | Página Pessoal 

OS MEUS LIVROS

p-imdv.jpg

O livro está disponível para download aqui. COVER ULHT.JPG O livro está disponível para download aqui O livro está disponível para aquisição aqui O livro está disponível para aquisição através do email correio@cpcy.pt

UNS TANTOS