Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

⊙ A Morada dos Dias

{ Horizontes. Olhares. Rumos Cruzados. Palpitações. Compassos dos Dias. }

29
Ago13

As autárquicas do nosso descontentamento.

Parece um bailarico de Verão a forma com as autárquicas estão a ser tratadas. A elegibilidade dos candidatos numa dança frenética de cadeiras revela bem o quanto a política nacional está minada por carreirismos. Não são apenas os dinaussauros da política de outrora a manterem os tentáculos no presente com um olho posto no futuro. Não há virgens inocentes neste processo. Se é facto que as autárquicas servem como espelho para as legislativas, numa lógica entre a Casa-Grande e a Senzala, é tão-somente porque os vícios de poder estão bem patentes. Há uma água demasiado suja a correr por baixo desta ponte para que o rio seja tomado como coisa séria.