Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

⊙ A Morada dos Dias

{ Horizontes. Olhares. Rumos Cruzados. Palpitações. Compassos dos Dias. }

10
Dez13

O Candidato Noray.

O senhor do vídeo supra tem sido parodiado, com alguma razão, ao representar o ridículo da exposição sem filtro. A desordem linguística é pano de fundo para fazer do "candidato Noray" objeto de sátira. Quem se põe a jeito terá sempre de arcar com as consequência. Não obstante, recuso a paródia do sujeito em favor da sua condição de candidato presidencial. Satirize-se a bandeira feita na China, o operador de câmara que tosse sobre o discurso, ou a falta de consciência das suas limitações aliada à coragem de se expor ainda assim. Não se condene a sua aspiração presidencial, é que presidentes a exporem-se ao ridículo não é um dado novo.