Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A Morada dos Dias

{ E naquela casa, que já ninguém conhecia a idade, era como se os dias não fossem dias }

Micropost [27] | Na veia do capitalismo

Dezembro 18, 2019

600 milhões serão injetados no Novo Banco. Não há como escapar à prisão gerada pelo sistema neocapitalista. A prioridade é, sempre, a banca, não as pessoas. É com este modelo fétido que as pessoas se sentem atraídas pelo populismo, desconsiderando que a solução que aqueles propõem, efetivamente, não passa, também, pelas classes mais baixas, mas pelo assegurar das condições favoráveis ao poder económico. Nada de diferente, portanto, a não ser no desapego pela democracia.

O neoliberalismo é a prisão da liberdade

Maio 07, 2019

Ouve-se por aí que há dinheiro para salvar bancos, mas não o há para recuperação das carreiras dos professores. Como lamento é aceitável, como posição política é populismo. Quer queiramos ou não, vivemos num mundo multipolar onde impera o neoliberalismo regulador enquanto paradigma de modelo de ordem global e de finanças dos Estados. Em consequência disso, estamos reféns da banca, obrigados a salvar bancos a qualquer preço a fim de evitar o colapso do sistema financeiro do país. A questão dos professores está ligada, então, à gestão corrente do Estado, e aceitar para uma classe implicaria aplicar, mutatis mutandi, os mesmos princípios às demais carreiras da função pública.

subscrever feeds

Cólofon

A Morada dos Dias é um blogue de João Ferreira Dias, escrito segundo o Acordo Ortográfico, de publicação avulsa e temática livre. Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.